domingo, 27 de novembro de 2011

Palpite


Tô com saudades de você, debaixo do meu cobertor
De te arrancar suspiros, fazer amor
Tô com saudades de você, na varanda em noite quente
E o arrepio frio que dá na gente
Truque do desejo
Guardo na boca, o gosto do beijo.
Eu sinto a falta de você, me sinto só

E aí?
Será que você volta?
Tudo à minha volta é triste
E aí
O amor pode acontecer de novo pra você
Palpite

Tô com saudades de você, do nosso banho de chuva
Do calor da minha pele, da língua tua
Tô com saudades de você, censurando o meu vestido
As juras de amor ao pé do ouvido
Truque do desejo
Guardo na boca, o gosto do beijo
Eu sinto a falta de você, me sinto só,

E aí?
Será que você volta?
Tudo à minha volta é triste
E aí
O amor pode acontecer, de novo pra você
Palpite

Vanessa Rangel

3 comentários:

  1. Uau, lindo, lindo, lindo.

    Seguindo ;*

    ResponderExcluir
  2. Liza, tenho estado aqui mas nem sempre dá tempo de postar. Gosto do teu gosto pela música, e suas escolhas me dizem quem tú és. Um espírito que canta e encanta. Bjs, Moran

    ResponderExcluir