sábado, 11 de setembro de 2010

MORTE

Eu tive um amor inesquecível...

Mas a morte é imbatível,

E o levou em seus braços,

E desatou esse laço

De amor e união

E em seu lugar

A cruel morte me deixou

Dor e solidão...


Autora: Elizangela Carvalho

Um comentário:

  1. poetisa, lindinha fda titia,desse geito vai sair livros,bjocas, te amo

    ResponderExcluir